quarta-feira, 2 de maio de 2018


Quem é o  Mercenário


- O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância (João 10:10).

Quem é o ladrão?

Neste capitulo do quarto evangelho, Jesus faz uma narrativa sobre o bom pastor, e ele mesmo se apresenta como o bom pastor. (João 10:11) - Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas.

 - Más comumente quando nos referimos a este texto, colocamos a satanás como aquele que mata, rouba e destrói, virou uma mania entre os crentes atribuir ao diabo estas palavras ditas por Jesus, más numa leitura cuidadosa do texto vamos descobrir que não é dele “satanás” que Jesus esta falando, apesar de ele “satanás” esta por traz de tudo isso, alguém vai dizer; ele usa as pessoas, ele não tem esta prerrogativa se a própria pessoa não der legalidade a ele pra tal coisa.

 - O ladrão aqui esta bem claro e definido no texto, senão vejamos; (João 10:12) - Mas o mercenário, e o que não é pastor, de quem não são as ovelhas, vê vir o lobo, e deixa as ovelhas, e foge; e o lobo as arrebata e dispersa as ovelhas. Jesus esta falando de homens, vejamos quem são (II Timóteo 3)
1)   - SABE, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos.
2) - Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, 3) - Sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, 4) - Traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, 5) - Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te. 6) - Porque deste número são os que se introduzem pelas casas, e levam cativas mulheres néscias carregadas de pecados, levadas de várias concupiscências; 7) - Que aprendem sempre, e nunca podem chegar ao conhecimento da verdade.

 - E não é o que muitos se tem feito no meio de nós, se dizem homens de Deus, pastores e bispos, (II Timóteo 2:18) - Os quais se desviaram da verdade, e perverteram a fé de alguns.
 -  Quantos estão vivendo verdadeira destruição em sua vida em virtude do desvio desses que fazem do evangelho meio de enriquecimento.
 - Jesus disse; Eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância (João 10:10).
 -  Esses ladrões “mercenários” roubam tudo de suas vítimas, tiram-lhes a vida e destroem totalmente seus sonhos.

Quem é o ladrão?
 - O ladrão é aquele que mantém pessoas debaixo de julgo pesadíssimo.
 - Ladrão é aquele que ensina as pessoas a fazer sacrifício para obter aquilo que Deus dá gratuitamente.
 - Ladrão é aquele que ao invés de libertar as pessoas aprisionam com ideias que não há sustentação nas escrituras.
 - Ladrão é aquele que se aproveita do desespero das pessoas e tira tudo o que ela tiver.
 -  ladrão é aquele que ensina aquilo que as escrituras não ensinam.

A diferença entre o bom pastor e o ladrão
 - O bom pastor diz: - Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei (Mateus 11:28).
 - O ladrão diz: tem que fazer isso, aquilo, assim e assim. Tem que guardar isso, aquilo e etc.
 - Precisamos aprender com quem aprendeu com o bom pastor, vejamos as palavras dele “Paulo” em I Corintios 11:1 - Sede meus imitadores, como também eu sou de Cristo.
E vejam como ele imitava a cristo:
(Romanos 8:1) - PORTANTO, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito.
 - Os ladrões dizem que você tem maldições hereditárias e precisam ser quebradas, veja o que o imitador de cristo disse; (II Corintios 5:17) - Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. Em cristo tudo se faz novo.
 - Continuemos; (Colossenses 2:14) - Havendo riscado a cédula que era contra nós nas suas ordenanças, a qual de alguma maneira nos era contrária, e a tirou do meio de nós, cravando-a na cruz. 15) - E, despojando os principados e potestades, os expôs publicamente e deles triunfou em si mesmo. 16) - Portanto, ninguém vos julgue pelo comer, ou pelo beber, ou por causa dos dias de festa, ou da lua nova, ou dos sábados, 17) - Que são sombras das coisas futuras, mas o corpo é de Cristo. 18) - Ninguém vos domine a seu bel-prazer com pretexto de humildade e culto dos anjos, envolvendo-se em coisas que não viu; estando debalde inchado na sua carnal compreensão, 19) - E não ligado à cabeça, da qual todo o corpo, provido e organizado pelas juntas e ligaduras, vai crescendo em aumento de Deus. 20) - Se, pois, estais mortos com Cristo quanto aos rudimentos do mundo, por que vos carregam ainda de ordenanças, como se vivêsseis no mundo, tais como: 21) - Não toques, não proves, não manuseies? 22) - As quais coisas todas perecem pelo uso, segundo os preceitos e doutrinas dos homens; 23) - As quais têm, na verdade, alguma aparência de sabedoria, em devoção voluntária, humildade, e em disciplina do corpo, mas não são de valor algum senão para a satisfação da carne. Os ladrões tem uma lista de “não pode, e outras de obrigações” (Colossenses 2 :22) - As quais coisas todas perecem pelo uso, segundo os preceitos e doutrinas dos homens;

Meu irmão não seja preza fácil do ladrão, leia a bíblia.


sexta-feira, 3 de junho de 2016

A nova Jerusalém



       Certo dia, ao chegar em meu escritório pela manhã, sobre a minha mesa estava um folheto de evangelização, na verdade este folheto já estava ali alguns dias ou mês sobre a mesa, mas nós como temos o habito de ler; e não só ler mais estudar a bíblia não nos importamos muito em ler estes folhetos, não pelo fato de despreza-los, mas por achar que o que esta escrito já é de nosso conhecimento, isso não quer dizer que eu não leio folhetos, leio sim, mas pra ser sincero, leio quando não tenho outra opção em mãos, pois gosto muito de ler, sou atraído pelo conhecer, e mais ainda conhecer a palavra de Deus, amo muito. Mas nesse dia, eu estava um pouco angustiado devido algumas situações, alguns conflitos, e eu passei a mão nesse folheto e resolvi ler o que nele estava escrito, o que eu faço questão de descrever o que li naquele bendito folheto, o titulo era a nova cidade.
Pois bem, o comentarista do folheto começa sua mensagem com o seguinte argumento: “todos nós gostaríamos de morar numa cidade onde não houvesse violência, sofrimento ou perigo” A bíblia diz que esta cidade é a cidade santa, onde Deus estará com seu povo. Só Jesus cristo pode garantir a entrada nessa cidade. Você pode entrar nela: é só crer em Jesus como seu salvador e senhor. João descreveu esta cidade assim;

Apocalipse 21; de 1 a 9  -  Então vi novo céu e nova terra, pois o primeiro céu e a primeira terra haviam passado; e o mar já não mais existia. 2 Vi também a Cidade Santa, a nova Jerusalém, que descia dos céus, da parte de Deus, adornada como uma linda noiva para o seu esposo amado. 3 E ouvi uma forte voz que procedia do trono e declarava: “Eis que o Tabernáculo de Deus agora está entre os homens, com os quais Ele habitará. Eles serão o seu povo e o próprio Deus viverá com eles, e será o seu Deus. 4 Ele lhes enxugará dos olhos toda a lágrima; não haverá mais morte, nem pranto, nem lamento, nem dor, porquanto a antiga ordem está encerrada!” 5 E Aquele que está assentado no trono afirmou: “Eis que faço novas todas as coisas!” E acrescentou: “Escreve isto, pois estas palavras são verdadeiras e absolutamente dignas de confiança”. 6 E declarou-me ainda: “Tudo está realizado! Eu Sou o Alfa e o Ômega, o Princípio e o Fim. A todos quantos tiverem sede lhes darei de beber graciosamente da fonte da Água da Vida. 7 O vencedor herdará todas essas bênçãos, e Eu serei seu Deus e ele será meu filho. 8 Porém, quanto aos covardes, os incrédulos, os depravados, os assassinos, os que praticam imoralidade sexual, os bruxos e ocultistas, os idólatras e todos os mentirosos, a parte que lhes cabe será no lago de fogo, que arde perpetuamente em meio ao enxofre. Esta é a segunda morte!” A Nova Jerusalém. Ao ler o texto de apocalipse algo me saltou aos olhos e o meu entendimento sobre o texto foi totalmente renovado e é sobre isso que passarei e compartilhar.

O texto começa com a seguinte descrição; - E VI um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe. João inicia este relato dizendo “eu vi” eu vi um novo céu e uma nova terra. Não é preciso muita explicação para admitir que em Jesus tudo se fez novo, a partir de jesus um novo tempo é iniciado, jesus é a nova aliança, o novo pacto de Deus com os homens, posso entender que novo céu é o novo pacto de Deus com os homens através de jesus, nova terra, entra outras coisas posso pensar no homem como barro, “terra” que na pessoa de jesus também se torna novo, dentro da analogia bíblica podemos entender céu, não como um espaço físico, mas como presença de Deus, e é o que o texto aponta para a presença de Deus entre os homens. Então novo céu, a presença de Deus agora entre os homens, não mais representado por um tabernáculo feito por mãos de homens, como foi o tabernáculo feito por Moises que simbolizava a presença de Deus entre os homens, mas agora na pessoa de Jesus, ele é o tabernáculo de Deus entre os homens. Deus não deu o tabernáculo aos hebreus no Egito, mas os deu quando estavam em terras livres, no Egito eram escravos, no deserto já estavam livres, em nova terra, em direção à terra prometida. Nós crentes saímos do Egito, terra velha, recebemos o tabernáculo de Deus “Jesus” nos tornamos terra nova. Tudo se fez novo. (II Coríntios 5:17) - Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.

O texto continua; Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe. Sim o primeiro céu, o tabernáculo feito por Moises que representava a presença de Deus entre o povo, e a lei que era principalmente para os Hebreus, uma vez que eles tomaram a lei como sendo exclusiva para eles, se acharam detentores de Deus, criando a ideia da raça eleita e colocando as demais nações como “gentes” origem da palavra gentio”  agora em cristo o novo tabernáculo, não há mais essa divisão, pois a bíblia nos diz: (Gálatas 3:27) - Porque todos quantos fostes batizados em Cristo já vos revestistes de Cristo. 28) - Nisto não há judeu nem grego; não há servo nem livre; não há macho nem fêmea; porque todos vós sois um em Cristo Jesus. 29) - E, se sois de Cristo, então sois descendência de Abraão, e herdeiros conforme a promessa. O muro da separação caiu; (Efésios 2:12) - Que naquele tempo estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel, e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança, e sem Deus no mundo. 13) - Mas agora em Cristo Jesus, vós, que antes estáveis longe, já pelo sangue de Cristo chegastes perto. 14) - Porque ele é a nossa paz, o qual de ambos os povos fez um; e, derrubando a parede de separação que estava no meio, 15) - Na sua carne desfez a inimizade, isto é, a lei dos mandamentos, que consistia em ordenanças, para criar em si mesmo dos dois um novo homem, fazendo a paz, a primeira terra pode apontar também para Adão, o primeiro homem que pecou e contaminou toda raça humana; (Romanos 5:12) - Portanto, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram. Agora em cristo o ultimo Adão; (I Corintios 15:45) - Assim está também escrito: O primeiro homem, Adão, foi feito em alma vivente; o último Adão em espírito vivificante. Mas agora em cristo somos revestidos da nova natureza para vivermos para Deus. Portanto o primeiro céu “tabernáculo” e a primeira terra “natureza pecaminosa” já passaram e o mar “gentes” já não existe. Veja o texto diz “já não existe” no sentido de finalizou, acabou, terminou. O muro que separava caiu.

(Apocalipse 21:2) - E eu, João, vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido. “Eu Joao vi” Joao esta dizendo que ele viu, Joao viu a cidade santa, a nova Jerusalém, e quem é que João viu senão o próprio senhor, o messias, o Emanuel “Deus conosco” João diz que descia do céu, olha a narrativa de João no seu evangelho, João 3:13 - Ora, ninguém subiu ao céu, senão o que desceu do céu, o Filho do homem, que está no céu. João vai descrever essa cidade santa, a nova Jerusalém no próprio texto de apocalipse no versículo 3 quando João diz; E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus. Jesus é o tabernáculo de Deus com os homens, (João 1:14) - E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, João continua dizendo; pois com eles habitará, com eles quem? Os homens, e eles serão o seu povo, os homens serão seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus. Vejamos como a bíblia descreve Jesus.

a)     Emanuel “Deus conosco” (Isaías 7:14) - Portanto o mesmo Senhor vos dará um sinal: Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, e chamará o seu nome Emanuel.
(Mateus 1:23) - Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, E chamá-lo-ão pelo nome de EMANUEL, Que traduzido é: Deus conosco.

b)    Tabernáculo “morada de Deus” (Isaías 4:6) - E haverá um tabernáculo para sombra contra o calor do dia; e para refúgio e esconderijo contra a tempestade e a chuva.

(Isaías 16:5) - Porque o trono se firmará em benignidade, e sobre ele no tabernáculo de Davi se assentará em verdade um que julgue, e busque o juízo, e se apresse a fazer justiça.

(Ezequiel 37:27) - E o meu tabernáculo estará com eles, e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo.

(Amós 9:11) - Naquele dia tornarei a levantar o tabernáculo caído de Davi, e repararei as suas brechas, e tornarei a levantar as suas ruínas, e o edificarei como nos dias da antiguidade;

Novo testamento, cumprimento das profecias. (Atos 15:16) - Depois disto voltarei, E reedificarei o tabernáculo de Davi, que está caído, Levantá-lo-ei das suas ruínas, E tornarei a edificá-lo.

(Hebreus 8:1) - ORA, a suma do que temos dito é que temos um sumo sacerdote tal, que está assentado nos céus à destra do trono da majestade, Ministro do santuário, e do verdadeiro tabernáculo, o qual o Senhor fundou, e não o homem.

(Hebreus 9:1) - ORA, também a primeira tinha ordenanças de culto divino, e um santuário terrestre. - Porque um tabernáculo estava preparado, o primeiro, em que havia o candelabro, e a mesa, e os pães da proposição; ao que se chama o santuário. - Mas depois do segundo véu estava o tabernáculo que se chama o santo dos santos, Que tinha o incensário de ouro, e a arca da aliança, coberta de ouro toda em redor; em que estava um vaso de ouro, que continha o maná, e a vara de Arão, que tinha florescido, e as tábuas da aliança; E sobre a arca os querubins da glória, que faziam sombra no propiciatório; das quais coisas não falaremos agora particularmente. Ora, estando estas coisas assim preparadas, a todo o tempo entravam os sacerdotes no primeiro tabernáculo, cumprindo os serviços; Mas, no segundo, só o sumo sacerdote, uma vez no ano, não sem sangue, que oferecia por si mesmo e pelas culpas do povo; Dando nisto a entender o Espírito Santo que ainda o caminho do santuário não estava descoberto enquanto se conservava em pé o primeiro tabernáculo, 11) - Mas, vindo Cristo, o sumo sacerdote dos bens futuros, por um maior e mais perfeito tabernáculo, não feito por mãos, isto é, não desta criação,

(Apocalipse 21:3) - E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estarão com eles, e será o seu Deus. Jesus é o tabernáculo de Deus entre os homens.

c)     Imagem expressa de Deus; (Hebreus 1:3) - O qual, sendo o resplendor da sua glória, e a expressa imagem da sua pessoa, e sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, havendo feito por si mesmo a purificação dos nossos pecados, assentou-se à destra da majestade nas alturas;

d)    Deus habita corporalmente em Jesus; (Colossenses 2:9) - Porque nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade;

e)     Ele é o próprio Deus que se manifesta aos homens na pessoa do filho; (João 1:1) - NO princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus.

f)      É o verbo encarnado; (João 1:14) - E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade.

g)     Através de Jesus vemos o pai; (João 12:45) - E quem me vê a mim, vê aquele que me enviou. E por fim lemos em (II Coríntios 5:19) - Isto é, Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não lhes imputando os seus pecados; e pôs em nós a palavra da reconciliação. Diante do que foi exposto podemos concluir que o que João está dizendo no versículo três de apocalipse vinte e um, é que Jesus é a morada de Deus entre os homens, e que Deus habitará com os homens através da pessoa de Jesus, e que os homens se tornarão seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus. Por esse ponto de vista fica claro de que não se trata de uma cidade, mas sim da presença do Cristo “ungido, enviado” entre nós.

(Apocalipse 21:4) - E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas.

A bíblia descreve um novo momento para os homens, Paulo diz em; (II Corintios 5:17) - Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. Paulo compreende um novo tempo, tudo se fez novo, as coisas velhas passaram, e é o que Jesus começa a propor em Mateus cinco no sermão da montanha. Veja que assim como a lei de Moises, as normas que regiam o povo Hebreu foram dadas num monte, Jesus agora em Mateus cinco traz as novas normas que são descritas como o sermão do monte, e que normas são essa, a lei da graça, agora Jesus diz; (Mateus 5:3) - Bem-aventurados os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus; 4) - Bem-aventurados os que choram, porque eles serão consolados; 5) - Bem-aventurados os mansos, porque eles herdarão a terra;  6) - Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque eles serão fartos; 7) - Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia; 8) - Bem-aventurados os limpos de coração, porque eles verão a Deus; 9) - Bem-aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus; 10) - Bem-aventurados os que sofrem perseguição por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus; 11) - Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem e, mentindo, disserem todo o mal contra vós por minha causa. Veja a profecia de apocalipse; (Apocalipse 21:4) - E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas. Veja como o texto termina dizendo exatamente o que já aconteceu; porque já as primeiras coisas são passadas. Quando cristo começa o seu ministério, ele dá inicio a implantação do reino de Deus, ou reino dos céus, não são dois reinos, apenas questão de cultura. Não era comum para os hebreus dizerem o nome de Deus de forma popular, Mateus escreve para os Hebreus, por isso ele prefere dizer “reino dos céus” já os outros escritores não tinham problemas com isto, então eles diziam “reino de Deus”, mas se trata do mesmo reino, e Jesus inicia seu ministério terreno com a seguinte pregação; (Mateus 4:17) -  Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus. Jesus vai repetir por varias ocasiões que; o reino de Deus, ou o reino dos céus havia chegado, senão vejamos.

João o balizador, já anunciava a chegada do reino; (Mateus 3:1) - E, NAQUELES dias, apareceu João o Batista pregando no deserto da Judéia, E dizendo: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus.

(Mateus 4:23) - E percorria Jesus toda a Galiléia, ensinando nas suas sinagogas e pregando o evangelho do reino, e curando todas as enfermidades e moléstias entre o povo.
(Mateus 10:7) - E, indo, pregai, dizendo: É chegado o reino dos céus.
(Mateus 12:28) - Mas, se eu expulso os demônios pelo Espírito de Deus, logo é chegado a vós o reino de Deus. Desde que Jesus começa a pregar, o reino de Deus começa a está evidenciado entre os homens, o reino é o governo de Deus na vida de todos aqueles que recebem seu filho. (João 1:12) - Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que creem no seu nome; podemos compreender que todos aqueles que estão em cristo, foram feitos filhos de Deus, nova criatura, estão debaixo do governo de Deus, esses tem sido consolados. Haverá o tempo de restauração de todas as coisas, mas isso é outro assunto.


BREVE TERMINAREMOS ESTE ASSUNTO.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO.

quinta-feira, 7 de abril de 2016

O que é e o que não é Graça de Deus.



 Efésios 2: 8 Porquanto, pela graça sois salvos, por meio da fé, e isto não vem de vós, é dom de Deus; 9 não vem por intermédio das obras, a fim de que ninguém venha a se orgulhar por esse motivo.

 - Muitas pessoas por não entenderem bem sobre a graça de Deus acabam por ao invés de viver da graça, vivem longe da graça.
 Mas o que é a graça de Deus? A graça de Deus é a ação do próprio Deus em favor do homem.Vejamos o que a bíblia diz a respeito da situação do homem. (Romanos 3:23) - Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus;

Porque e como todos pecaram?

 - Em Romanos 5:12 Paulo diz que - Portanto, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram. Ou seja, Deus imputou o pecado de Adão a toda raça humana, Por isso que todos pecaram.  Nenhum ser humano pode se arrogar que não é um pecador, ou que não tem pecado. (I João 1:8) - Se dissermos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e não há verdade em nós. Vejamos o versículo 10 Se dissermos que não pecamos, fazemo-lo mentiroso, e a sua palavra não está em nós. (Romanos 3:23) - Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus.

 - Sendo assim o homem, agora caído, necessita de um resgate, e é ai que entra o plano redentor do criador. Em João 3:16 lemos que:  Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.Esta promessa de resgate vem desde a velha aliança, vejamos o que disse o profeta Isaías 11:1 Porque brotará um rebento do tronco de Jessé, e das suas raízes um renovo frutificará. 2) E repousará sobre ele o Espírito do SENHOR, o espírito de sabedoria e de entendimento, o espírito de conselho e de fortaleza, o espírito de conhecimento e de temor do SENHOR. 3) E deleitar-se-á no temor do SENHOR; e não julgará segundo a vista dos seus olhos, nem repreenderá segundo o ouvir dos seus ouvidos. 4) Mas julgará com justiça aos pobres, e repreenderá com eqüidade aos mansos da terra; e ferirá a terra com a vara de sua boca, e com o sopro dos seus lábios matará ao ímpio, 5) - E a justiça será o cinto dos seus lombos, e a fidelidade o cinto dos seus rins. 

 - Paulo escrevendo sobre esse mesmo assunto a igreja dos Gálatas no capitulo 4:4 ele declara.  Mas, vindo a plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, 5) - Para remir os que estavam debaixo da lei, a fim de recebermos a adoção de filhos.Jesus veio debaixo da lei, cumpriu toda lei e nos livrou do julgo da lei. 

 Quem éramos nós?

 Antes de conhecer o evangelho, e sermos conhecidos por Jesus, éramos filhos da desobediência e por natureza filhos da ira de Deus. Vejamos: Efésios 2:2-3 - Em que noutro tempo andastes segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos da desobediência.3) Entre os quais todos nós também antes andávamos nos desejos da nossa carne, fazendo a vontade da carne e dos pensamentos; e éramos por natureza filhos da ira, como os outros também. 4) Mas Deus, que é riquíssimo em misericórdia, pelo seu muito amor com que nos amou, 5) Estando nós ainda mortos em nossas ofensas, nos vivificou juntamente com Cristo (pela graça sois salvos), 6) E nos ressuscitou juntamente com ele e nos fez assentar nos lugares celestiais, em Cristo Jesus; 7) Para mostrar nos séculos vindouros as abundantes riquezas da sua graça pela sua benignidade para conosco em Cristo Jesus. 

 - Aqui vemos toda a ação de Deus para nos redimir. É por isso que a palavra afirma que: “pela graça sois salvos, por meio da fé, e isto não vem de vós, é dom de Deus; 9 não vem por intermédio das obras, a fim de que ninguém venha a se orgulhar por esse motivo”  Ou seja, Deus tira do homem todo poder de fazer alguma coisa para ser salvo. não vem por intermédio das obras, a fim de que ninguém venha a se orgulhar por esse motivo”. Isso é graça, Isso é favor de Deus, Isso é ação salvadora de Deus a favor do homem. Não há nada que você possa fazer para ser salvo. Apenas uma coisa, crer no que ele fez por você. É o que diz Paulo aos Romanos 10:8,9 - Mas que diz? A palavra está junto de ti, na tua boca e no teu coração; esta é a palavra da fé, que pregamos, 9) A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo. Foi a resposta de Paulo e Silas ao carcereiro Em Atos 16:31 - E eles disseram: Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e a tua casa. É o que diz Romanos 10:10) Visto que com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação.

Quem não é salvo? 

Em I João 2:23 vemos - Qualquer que nega o Filho, também não tem o Pai; mas aquele que confessa o Filho, tem também o Pai. Aqui vemos a simplicidade para sermos salvo.

Três coisas básicas para ser alcançado pela graça de Deus

1º admitir que sou  pecado e preciso da graça de Deus.

- Muitas pessoas acreditam que são pecadoras, mas reconhecem a graça salvadora de Deus, é necessário admitir isto. A graça de Deus é manifestada, ou seja, é colocada a disposição de todos. (Tito 2:11) - Porque a graça de Deus se há manifestado, trazendo salvação a todos os homens, Vejamos, a graça foi manifestada, e esta em concordância com João 3:16 - Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. É o que diz I João 1:2 - Porque a vida foi manifestada, e nós a vimos, e testificamos dela, e vos anunciamos a vida eterna, que estava com o Pai, e nos foi manifestada.

 - Deus manifestou sua graça ao mundo (João 1:11) - Veio para o que era seu, e os seus não o receberam. 12) - Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome; Você crer no nome de Jesus, então você é salvo.

2º crer que Jesus é o filho de Deus enviado para me salvar. 

Em Atos 4:12 lemos: E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos. (Filipenses 2:9) - Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome (João 3:18) - Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus. Foi a resposta de Pedro em Mateus 16:16 - Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo.

3º crer e aceitar a graça de Deus.

(Marcos 16:16) - Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenadoSimples, apenas isto.
Graça é o favor de Deus, a ação de Deus em salvar o homem.

E o que não é graça?

O que não é graça é todo esforço do homem para ser salvo. Vejamos o verso 9 de efésios 2: não vem por intermédio das obras, a fim de que ninguém venha a se orgulhar por esse motivo” Daí as perguntas, então eu não preciso fazer nada para ser salvo? E eu diria!!! Tudo o que você precisa fazer é crer e aceitar a graça de Deus. Reconhecer o sacrifício de Jesus na cruz do calvário. (Hebreus 10:8) - Como acima diz: Sacrifício e oferta, e holocaustos e oblações pelo pecado não quiseste, nem te agradaram (os quais se oferecem segundo a lei). 9) - Então disse: Eis aqui venho, para fazer, ó Deus, a tua vontade. Tira o primeiro, para estabelecer o segundo.10) - Na qual vontade temos sido santificados pela oblação do corpo de Jesus Cristo, feita uma vez. 11) - E assim todo o sacerdote aparece cada dia, ministrando e oferecendo muitas vezes os mesmos sacrifícios, que nunca podem tirar os pecados; 12) - Mas este, havendo oferecido para sempre um único sacrifício pelos pecados, está assentado à destra de Deus.

 - Você precisa crer nesse sacrifício, o corpo de Jesus que foi entregue e o sangue que foi derramado. Vejamos o próprio Jesus declarando isto em Mateus 26: 28 – Porque isto é o meu sangue, o sangue do novo testamento, que é derramado por muitos, para remissão dos pecados. Interessante é que esse versículo de João tem ligação com hebreus. Veja: Porque isto é o meu sangue, o sangue do novo testamento  ou nova aliança.(Voltemos a Hebreus 10: 9) - Então disse: Eis aqui venho, para fazer, ó Deus, a tua vontade. Tira o primeiro, para estabelecer o segundo. Ou seja; tira o antigo para estabelecer o novo.ou nova aliança. 

Deus estabelece uma nova aliança

Em Jeremias 31:31 lemos- Eis que dias vêm, diz o SENHOR, em que farei uma aliança nova com a casa de Israel e com a casa de Judá. (32) - Não conforme a aliança que fiz com seus pais, no dia em que os tomei pela mão, para os tirar da terra do Egito; porque eles invalidaram a minha aliança apesar de eu os haver desposado, diz o SENHOR. (33) - Mas esta é a aliança que farei com a casa de Israel depois daqueles dias, diz o SENHOR: Porei a minha lei no seu interior, e a escreverei no seu coração; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo. (34) - E não ensinará mais cada um a seu próximo, nem cada um a seu irmão, dizendo: Conhecei ao SENHOR; porque todos me conhecerão, desde o menor até ao maior deles, diz o SENHOR; porque lhes perdoarei a sua maldade, e nunca mais me lembrarei dos seus pecados. 

 - Isaías profetizando sobre esse tempo da graça, vejamos o que diz : (Isaías 43:25) – Eu, eu mesmo, sou o que apago as tuas transgressões por amor de mim, e dos teus pecados não me lembro.26) - Faze-me lembrar; entremos juntos em juízo; conta tu as tuas razões, para que te possas justificar. 

 - Jesus é o sacrifício.O sacrifício, único, perfeito e eterno que apaga os nossos pecados, e nos coloca como justificados diante de Deus, e não as nossas obras. Se há alguém aqui entre nós lutando pela salvação, eu lhe digo, pare de lutar, pois o que tinha que ser feito pra você ser salvo, Deus já fez através da pessoa de Jesus.Não resta mais nada a fazer senão crer no que ele já fez. Creia no sacrifício de Jesus. Aceite a graça de Deus, o favor de Deus, a ação de Deus a teu favor. 

- Meus irmãos, diante do que falamos aqui esta noite, que não fique nenhuma dúvida em nosso coração sobre aquilo que Deus fez por nós. Nas próximas mensagens, vamos falar sobre os assuntos que são ligados a nossa salvação. Vamos aprender com a palavra de Deus, o porquê fazemos muitas coisas ligadas à salvação.  

Fazemos porque somos salvos, e não para sermos salvos. Como esta escrito em Hebreus 6:9 - Mas de vós, ó amados, esperamos coisas melhores, e coisas que acompanham a salvação, ainda que assim falamos. Há coisas que acompanham a salvação. Jesus disse em Mateus 7: versículo 20 que: pelos nossos frutos somos conhecidos. 

 - Os salvos são conhecidos pelos frutos, pelas obras, pelo comportamento, pelo falar, pelos procedimentos. Essas coisas não são para salvação. Mas os salvos são conhecidos por elas.
 Como eu posso presumir que uma pessoa esta andando no caminho da salvação? Através do seu procedimento. 

Isto não significa que esta pessoa seja um salvo, pois muito se escondem atrás dessas virtudes. Porem todo salvo tem essas virtudes. Não percam os próximos capítulos.

 - Vamos aprender a palavra de Deus e tirar todas as nossas duvidas a respeito da graça de Deus, o favor imerecível de Deus. IMERECÍVEL. Eu não mereço , Você não merece, Ninguém merece, Mas Deus nos salva.

Quero terminar lendo Romanos 4:3 - Pois, que diz a Escritura? Creu Abraão em Deus, e isso lhe foi imputado como justiça.4) - Ora, àquele que faz qualquer obra não lhe é imputado o galardão segundo a graça, mas segundo a dívida.5) - Mas, àquele que não pratica, mas crê naquele que justifica o ímpio, a sua fé lhe é imputada como justiça.



Mensagem ministrada no culto da palavra
Por: Pr Josias de Assis


Cultos

 - Quinta feira as 19:30 - Culto da vitória.
 - Domingo as 09 da manha - Escola bíblica
 - Domingo as 19:00 - Culto de Celebração









A Graça de Deus é a ultima instancia para o homem perdido em seus pecados.


segunda-feira, 16 de novembro de 2015

É preciso colocar a casa de Deus em ordem

E tenho saudades da igreja da minha infância, juventude, onde tive minha formação cristã, era uma igreja simples, mas calorosa, fervorosa, mais amável, havia comunhão entre os seus membros, a igreja de hoje precisa voltar as primeiras obras, está muito fria, digo fria no sentido fraternal, as pessoas estão muito individualista, o sentimento acabou, as pessoas não vão no culto de ações de graças do irmão, não visitam os doentes, a casa de Deus virou uma agencia onde as pessoas só vão em busca de seus interesses, a adoração é vazia, os cânticos são tomados de antropocentrismos, revanchismos do tipo,"quem te vil passar na prova e não te ajudou, vai te ver você na benção e vai se arrepender" só falta cantar "mata ele Jesus" só interesses em bênçãos, a arrogância do tipo "o meu Deus" .Não se vai prestar culto, mas sim, buscar o culto agradável, os pregadores não pregam arrependimento, a cruz de Cristo, salvação, batismo no Espírito santo, a volta de Jesus, e o povo nem estão interessados nisso, só se prega prosperidade, triunfalismo, conquista, as mensagens são "os dez passos pra conquistar uma vida feliz" eu cresci ouvindo "de um passo pra Jesus, e Ele dará dois por você" cresci ouvindo os pregadores pregar para "edificar" construir a igreja,,,hoje a palavra de ordem é "quebrei tudo". Jesus disse que seu sangue derramado na cruz, é o sangue da nova aliança, mas os pregadores pouco pregam a nova aliança, a maioria das mensagens são tiradas do velho testamento, o evangelho é só titulo, não se prega o evangelho de Jesus em 90% das igrejas, os músicos são profissionais, tocam por dinheiro e fazem seus shows,  muitos deles não são membros de igreja, não tem pastor, não reconhecem autoridade pastoral, não tomam ceia, não entregam dízimos, não frequentam cultos de ensino, escola dominical, nem carteirinha de membro tem, e os pastores afim de oferecer um culto atrativo, estão abrindo as portas de suas igrejas e entregando seus púlpitos a pessoas que na verdade precisam sentar e aprender “o que é casa de Deus” essa com certeza não é a igreja que o mestre esta edificando "construindo"

Esta é a palavra de Deus para nós pastores nesses dias.

(II Reis 20:1) - NAQUELES dias adoeceu Ezequias mortalmente; e o profeta Isaías, filho de Amós, veio a ele e lhe disse: Assim diz o SENHOR: Põe em ordem a tua casa, porque morrerás, e não viverás.



Veja;  Ezequias, adoeceu, e muitos de nós temos adoecido.

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

A mentira e sua primeira vítima

(João 16:13) - Mas, quando vier aquele, o Espírito de verdade, ele vos guiará em toda a verdade; porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido, e vos anunciará o que há de vir.

 Hoje nós queremos falar sobre um mau, o mau que causou a primeira vitima no tempo da graça; a mentira.

  E por que a primeira vitima? Sim a primeira vitima Da nova aliança foi vitimada pela mentira. e isto está registrado no capitulo 05 de atos dos apóstolos.

  Diz o texto sagrado; que Ananias e Safira sua mulher, combinaram mentir para os lideres da igreja, qual foi à surpresa, a morte dos dois. Vejamos irmãos que o Espírito que recebemos, não é o Espírito de mentira, mas o Espírito de verdade. Jesus disse que é o - O Espírito de verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê nem o conhece; mas vós o conheceis, porque habita convosco, e estará em vós (João 14:17). Se há o Espírito de verdade, logo há também o Espírito de mentira, e desse Jesus fez questão de dizer de sua procedência. Vejamos de onde procede a mentira. (João 8:44) - Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai. Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira.

 Jesus esta disse, que o diabo, é mentiroso e ele mesmo é o pai da mentira. Então a pergunta é? Qual espírito atua em nós. O Espírito da verdade, ou o espírito da mentira?

 Jesus disse que ele enviaria o Espírito da verdade. Vejamos; Mas, quando vier o Consolador, que eu da parte do Pai vos hei de enviar, aquele Espírito de verdade, que procede do Pai, ele testificará de mim João 15:26..

 Nós precisamos entender que o Espírito de Deus não divide espaço com o espírito contrário. Irmãos; se há espírito de mentira em nós, o Espírito de Deus não está em nós. Simplesmente isso. Vejamos o que diz as escrituras - Que comunhão tem a luz com as trevas II Corintios 6:14? Em I João 1:5 lemos que: Deus é luz, e não há nele trevas nenhumas. A mentira faz parte do pacote das trevas.

Jesus disse: Vós sois a luz do mundo Mateus 5:14. E mais uma vez as escrituras vai nos orientar em - Por isso deixai a mentira, e falai a verdade cada um com o seu próximo; porque somos membros uns dos outros Efésios 4:25. Deus nos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz, e isso implica em abandonarmos as obras das trevas, por que o Espírito que esta em nós, é o Espírito de verdade, e não o Espírito de mentira.

A mentira matou Ananias, matou Safira e continua matando as pessoas hoje. A mentira é como uma erva daninha. Uma mentirinha, uma mentira, uma mentirona. Logo -  logo, já não há mais como esconder.

 A mentira rouba a dignidade das pessoas. Pessoas movidas pelo espírito da mentira chega uma hora que tudo o que ela fala é recebido como mentira. Pessoas movidas pelo espírito da mentira perdem a credibilidade. Pessoas movidas pelo espírito da mentira perdem amizades. E sem contar que a mentira é um desvio de caráter. Precisa ser tratado. E a proposta do evangelho é transformação completa. O que diz o texto lema de nossa igreja? - Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo (II Corintios 5:17).



 Vejamos a oração de Jesus pelos apóstolos (João 17:17) - Santifica-os na tua verdade;  E Jesus também se santificava na verdade, para que seus discípulos também fossem santificados na verdade. Vejamos; - E por eles me santifico a mim mesmo, para que também eles sejam santificados na verdade (João 17:19). Se Jesus fosse um mentiroso, os discípulos corriam o risco de se tornarem mentirosos. Aqueles que andam na estrada da mentira, pode levar seus seguidores também a andar pela estrada da mentira. Filhos que são mentirosos, por que os pais são mentirosos. É uma coisa que parece que pega. Mas Jesus nos convida a conhecer a verdade - E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará (João 8:32). Portanto meus irmãos, a mentira não pode fazer parte do nosso viver.