quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Somos ou não somos supersticiosos?

             A superstição esta impregnada em nossas mentes, pregamos contra superstição, criticamos quem tem medo de gato preto, quem não passa debaixo de escada, quem tem medo de sexta feira 13 e todas as outras superstições conhecidas, mas quando analisamos os nossos comportamentos não temos outra coisa senão admitirmos que somos sim supersticiosos. Temos medo de tudo, e tudo é castigo, é Deus pesando a mão, vivemos uma verdadeira vida de opressão por causa das nossas superstições.

Veja o que a bíblia diz;
 - Tudo sucede igualmente a todos; o mesmo sucede ao justo e ao ímpio, ao bom e ao puro, como ao impuro; assim ao que sacrifica como ao que não sacrifica; assim ao bom como ao pecador; ao que jura como ao que teme o juramento (Eclesiastes 9:2).
- Este é o mal que há entre tudo quanto se faz debaixo do sol; a todos sucede o mesmo; e que também o coração dos filhos dos homens está cheio de maldade, e que há desvarios no seu coração enquanto vivem, e depois se vão aos mortos (Eclesiastes 9:3) .
         A bíblia diz que tudo sucede igualmente a todos, seja ele o que for, seja crente, ou não crente; o crente igualmente o não crente, é assaltado, fica doente, fica desempregado, sofre acidentes, bate de carro, morre atropelado, a casa pega fogo, a casa desaba, morre em assalto, uma das provas é que as igrejas consideradas por todos sagradas, casa de Deus, são assaltadas. O profeta Elizeu, um grande profeta morreu de uma doença, Paulo era meio cego, Timóteo tinha problemas de estomago, Pedro morreu crucificado e de cabeça para baixo, Paulo foi partido aos pedaços, Estevam apedrejado, João batista cabeça cortada, João do apocalipse, foi jogado numa panela de fervendo, levado para uma ilha, se esses homens vivessem entre nós hoje, diríamos que Deus estava pesando a mão neles, que estavam sendo castigados, porque eram crentes, servos de Deus, diríamos se Deus esta permitindo isso com ele é porque Deus esta cobrando alguma coisa.
          Meu irmão Deus não veio cobrar nada de ninguém, muito pelo contrario, Deus veio pagar, ele pagou a nossa conta - E, quando vós estáveis mortos nos pecados, e na incircuncisão da vossa carne, vos vivificou juntamente com ele, perdoando-vos todas as ofensas, (Colossenses 2:13).
- Havendo riscado a cédula que era contra nós nas suas ordenanças, a qual de alguma maneira nos era contrária, e a tirou do meio de nós, cravando-a na cruz (Colossenses 2:14).
- Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus (I Corintios 6:20).
- O qual se deu a si mesmo em preço de redenção por todos, para servir de testemunho a seu tempo (I Timóteo 2:6).
- Sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que por tradição recebestes dos (I Pedro 1:18).
   Disse Jesus - E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. (João 8:32)
- Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres (João 8:36).
       As aparentes experiências não podem invalidar a palavra de Deus,
- PORTANTO, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito (Romanos 8:1).
- Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não peca; mas o que de Deus é gerado conserva-se a si mesmo, e o maligno não lhe toca (I João 5:18).
              Se você esta vivendo um momento difícil na vida, isso não é prova de Deus, nem castigo, nem Deus pesando a mão, não é porque você fez aquilo ou deixou de fazer, nada disso, Deus não age assim, Deus é bom, Deus é justo, Deus é misericordioso, Deus é longanimo, Deus é amor, saiba; nós estamos sujeitos aos altos e baixos da vida - LEMBRE-SE A BIBLIA DIZ: Tudo sucede igualmente a todos; o mesmo sucede ao justo e ao ímpio, ao bom e ao puro, como ao impuro; assim ao que sacrifica como ao que não sacrifica; assim ao bom como ao pecador; ao que jura como ao que teme o juramento (Eclesiastes 9:2) .

Pr Josias pereira de assis

presidente do Ministério da Reconciliação